domingo, 15 de janeiro de 2012

Dinâmica do Grupo-Importância nas suas diversas formas!

Trabalho em GRUPO

  GRUPO na Essência e Era VIRTUAL

Sou adepta de uma ação individual e coletiva voltada a dinâmica nos movimentos que se entrelaçam...
Na escola como professora/educadora procuro facilitar ao máximo a prática dialógica com mediação, recursos, ações e avaliações, onde todos constroem juntos e registram essa construção, que na medida que vai formando sua identidade e história, vai simultaneamente se autoavaliando, elencando os progressos e ajustes necessários no desenvolvimento e resultados das metas programadas.
Gosto de trabalhar muito em grupo e com grupos.
Abordo nesta postagem o tema GRUPO, que foi adaptada e pesquisada por mim e quero compartilhar com todos vocês. Bom proveito! (Rosangela)

GRUPO  NA ESSÊNCIA

É um resultado da dialética entre a história do grupo (movimento horizontal) e a história dos indivíduos com seus mundos internos, suas projeções e transferências (movimento vertical) no suceder da história da sociedade em que estão inseridos. 
A construção do grupo 
Um grupo se constrói através da constância da presença de seus elementos, na constância da rotina e de suas atividades. 
Um grupo se constrói na organização sistematizada de encaminhamentos, intervenções por parte do líder para a sistematização do tema em questão.
Um grupo se constrói no espaço heterogêneo das diferenças entre cada participante: da timidez de um, do afobamento do outro; da serenidade de um, da explosão do outro; da seriedade desconfiada de um, da ousadia do risco do outro; da mudez de um , da tagarelice de outro; do riso fechado de um, gargalhada debochada do outro; dos olhos miúdos de um, dos olhos esbugalhados do outro; de lividez de um, do encarnado do rosto do outro. 

Um grupo se constrói enfrentando o medo que o diferente, o novo provoca, educando o risco de ousar. 
Um grupo se constrói não na água estagnada do abafamento das explosões, dos conflitos, no medo em causar rupturas. 
Um grupo se constrói, construindo o vínculo com a autoridade entre iguais. 
Um grupo se constrói na cumplicidade do riso, da raiva, do choro, do medo, do ódio, da felicidade e do prazer.

A vida de um grupo tem vários sabores... 
No processo de construção de um grupo, o líder conta com vários instrumentos que favorecem a interação entre seus elementos e a construção do círculo com ele. 
A comida é um deles. 
É comendo junto que os afetos são simbolizados, expressos, representados, 
socializados. 
Pois comer junto, também é uma forma de conhecer o outro e a si próprio. 
A comida é uma atividade altamente socializadora num grupo, porque permite a 
vivência de um ritual de ofertas. Exercício de generosidade. 
Espaço onde cada um recebe e oferece ao outro o seu gosto, seu cheiro, sua textura, seu sabor. 
Momentos de cuidados, atenção. 
O embelezamento da travessa em que vai o ao, a “forma de coração” do bolo, a renda bordada no prato... 
Frio ou quente? 
Que perfume falará de minhas emoções?
Doce ou salgado? 
Todos esses aspectos compõe o ritual do comer junto, que é um dos ingredientes 
facilitadores da construção do grupo. 

Um grupo se constrói com ação exigente, rigorosa do líder. Jamais com a 
cumplicidade autocomplacente, com o descompromisso dos envolvidos.
Um grupo se constrói no trabalho árduo de reflexão de cada participante e do líder. 
No exercício disciplinado de instrumentos metodológicos, educa-se o prazer de se estar vivendo, conhecendo, sonhando, brigando, gostando,  comendo, bebendo, imaginando, criando; e aprendendo juntos, num grupo. 
    
                                                       VIDA DE GRUPO 

1. Vida de grupo tem: 
-Alegria, riso aberto, contentamento, folia, concentração. 
-Medo, dor, choro, conflito, perdição,desequilíbrio, hipótese falsa, pânico. 
-Entendimento, diferenças, desentendimento, briga, busca, conforto. 

-Silêncios, fala escondida, berro, fala oca, fria, fala mansa. -Generosidade, escuta, olhar atento, pedido de colo. 
-Ódio, decepção, raiva, recusa, desilusão. 
-Amor, bem querer, gratidão, afago, gesto amigo de oferta. 

2. Vida de grupo tem vários sabores: 
-Quente, frio, no ponto. 
-Doce? melado? cheiro de hortelã? 
-Castanha, chocolate, perfume de canela. 
-Salgado? Gelado, cheiro de maçã? 
-Palmito, frango, damasco. 
-Perfumes vindo da janela, lembrando o cheiro da vida vivida, gosto de hortelã. 

3. Vida de grupo dá muita ansiedadequando não recebo o produto do conhecimento mastigado, pronto, pelo líder. Ele faz mediações com o objeto a conhecer, e se eu,saindo com meu reboliço, meu furacão interno (uterino?), minhas frustrações, ansiedades, POSSO CONSTRUIR, no meu silêncio-fala interna, minha sistematização. Depois, novamente voltando ao grupo, 
posso checá-lo, provocando um aprofundamento da mesma, ou não..

4. Vida em grupo dá muita frustração porque, enquanto participante, tenho de romper com meu  acomodamento quieto, autoritário... esperando “as ordens” do  líder... e quando elas não vêm, descubro que SÓ EU posso LUTAR CONQUISTAR, CONSTRUIR, meu ESPAÇO... 
O líder pode possibilitar o rompimento da quietude, mas NÃO A AÇÃO DO CONSTRUIR, do conhecer. Essa, só o participante pode. 

5. Vida de grupo dá muito medo porque através do outro constato que sou “dono” do meu saber (e do meu não saber). 
Sou dono de minha incompetência, e portanto, RESPONSÁVEL pela minha BUSCAPROCURA de conhecer, de construir minha competência. 

6. Vida de grupo dá desânimo porque em muitas situações nos confrontamos com o caos: acúmulo de temas, processos de adaptação, hipóteses heterogêneas. 
Caos criador que nos demanda nova re-estruturação –organização. Procura da forma original própria e única adequada ao novo momento. 
Vida de grupo (ah!... vida de grupo...) 

7. Vida de grupo dá muito trabalho e muito prazer porque eu não construo nada sozinho; tropeço a cada instante com os limites do outro e os meus próprios, na construção da vida, do conhecimento, da nossa história

Grupo é... grupo 

A cada encontro: imprevisível. 
A cada interrupção da rotina: algo inusitado. 
A cada elemento novo: surpresas. 
A cada elemento já parecidamente conhecido: aspectos desconhecidos. 
A cada encontro: um novo desafio, mesmo que supostamente já vivido. 
A cada tempo: novo parto novo, compromisso fazendo história. 
A cada conflito: rompimento do estabelecido para a construção da mudança. 
A cada emoção: faceta insuspeitável. 
A cada encontro: descobrimentos de terras ainda não desbravadas. 

                                                      Grupo é grupo. 


EDUCAÇÃO E 
GRUPO NA ERA VIRTUAL
Atualmente, muitos trabalhos têm sido desenvolvidos usando Realidade Virtual (RV) que pode ser definida de uma maneira simplificada como sendo a forma mais avançada de interface do usuário de computador até agora disponível. Os avanços obtidos nesta área indicam que a mesma é bastante promissora para os diversos segmentos a ela vinculados, entre eles a educação. 
Uma definição um pouco mais refinada de realidade virtual é a seguinte : "realidade virtual é uma forma das pessoas visualizarem, manipularem e interagirem com computadores e dados extremamente complexos" (Kirner, 1996). Assim, pode-se dizer que realidade virtual é uma técnica avançada de interface, na qual o usuário pode realizar imersão, navegação e interação em um ambiente tridimensional gerado por computador, através de canais multi-sensoriais.O computador e as tecnologias disponíveis permitem a formação de grupos e seu trabalho em situações de tempo e espaço antes impossíveis sem tal tecnologia.

A formação de grupo oferece uma outra série de benefícios, tais como a interação com um conjunto de indivíduos diferentes, a maior diversidade de informações devido a existência de comunicação entre o grupo, melhor adequação aos diferentes perfis dos indivíduos, criando uma identidade grupal que reforça a manutenção e a formação de novos grupos.É muito importante o papel de cada professor como um motivador e facilitador para que esta troca entre todos para que ocorra de forma motivadora e adequada.

10 comentários :

  1. Vim aqui tbm te prestigiar, seguir e agradecer pela visitinha. Tô indo agora buscar meu selinho.
    Beijinhos!!!

    ResponderExcluir
  2. Oi Amoree! Estou muito contente pela conquista de 300 seguidores, e vc faz parte dessa alegria. Por essa razão te ofereço um SELINHO DE AGRADECIMENTO",junto com ele tem brindes escolares, se vc desejar recebê-los é só deixar um comentário com seu e-mail, para eu enviar depois ok?
    Brigadinha pela amizade!

    ResponderExcluir
  3. Oi, Rosângela! Sou aluna de pós em Psicopedagogia e também sou educadora. Amo o meu trabalho , pois sei que é gratificante envolver o aluno no processo ensino-aprendizagem de forma afetiva. O educador acima de tudo tem que amar o que faz, para assim,
    doar-se ao seu fazer.
    Gostei muito do seu blog, já sou sua seguidora e te convido a me seguir no:
    http://baudaarteira.blogspot.com/
    Olha, vou convidar outras pssoas para visitar o teu blog....Bjs...

    ResponderExcluir
  4. Boa tarde Rosangela!!!
    Hoje vim especialmente para lhe deixar uma mensagem:
    "Desenvolver força, coragem e paz interior demanda tempo. Não espere resultados rápidos e imediatos, sob o pretexto de que decidiu mudar. Cada ação que você executa permite que essa decisão se torne efetiva dentro de seu coração." (Dalai Lama)
    Desejo um resto de semana abençoado e um final de semana mega feliz.
    Bjokas...da Bia!!!

    ResponderExcluir
  5. Oi linda! OBRIGADA de coração, mas...eu já ganhei esse selinho que está na lateral direita do meu baú. Mas assim mesmo me sinto privilegiadíssima, bj mil e fica com Deus.

    ResponderExcluir
  6. Oi linda! OBRIGADA de coração, mas...eu já ganhei esse selinho que está na lateral direita do meu baú. Mas assim mesmo me sinto privilegiadíssima, bj mil e fica com Deus.

    ResponderExcluir
  7. Oi Rosângela,

    Gostaria de agradecer sua visita no reinciclando e seu trabalho também é lindo!!!!

    Obrigada pelo carinho viu? Visite-me sempre que quiser!

    bjs e fique com Deus!

    Márcia Ribeiro
    reinciclando.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Olá Rosangela, passei por aqui para agradecer sua ajuda.Muito obrigada! Vi seu recadinho no meu blog. Fico feliz em poder contar com as amigas virtuais...Assim que me desafogue vou entrar para o grupo...adoro o Jonathan, acho ele um rapaz muito esforçado e cheio de idéias maravilhosas.
    Agradeceria se sempre que vc pudesse, passasse por lá no texto, pois a visualização está contando e super importante....e se sempre que possa deixe um recadinho (também conta). Uma beijoca.Tenha um fim de semana iluminado.Até breve....

    ResponderExcluir
  9. Oi amiga, vim agradecer o carinho que vc deixou em meu blog. Muito obrigada pelo consolo. Um super bj, Jo.

    ResponderExcluir
  10. Oi colega, hoje consegui postar as fotos e árvores do CARTÃO SOLIDÁRIO, que vc participou, aguardo sua visitinha para conferir como ficou.
    beijinhos.

    ResponderExcluir

Fique a vontade.Compartilhe sua opinião!
Gosto de trocar e somar ideias.
Obrigada pela visita!
Um abraço, Rosangela

RESULTADO EM AÇÂO!



csp6961069

Na aventura de aprender de nossas crianças e jovens,
pais e professores são a bússola para o caminho de
descobertas e aprendizagens significativas e felizes.
(Rosangela Vali - Pedagoga e Psicopedagoga)

"Somos diferentes, mas não queremos ser transformados em desiguais. As nossas vidas só precisam ser acrescidas de recursos especiais".

(Peça de teatro: Vozes da Consciência,BH)

MotivAÇÃO FAZ BEM!

Hoje Acordei Para Vencer! A automensagem positiva logo pela manhã é um estímulo que pode mudar o seu humor, fortalecer sua autoconfiança e, pensando positivo, você reunirá forças para vencer os obstáculos. Não deixe que nada afete seu estado de espírito. envolva-se pela música, cante ou ouça. Comece a sorrir mais cedo. ao invés de reclamar quando o relógio despertar, agradeça a Deus pela oportunidade de acordar mais um dia. O bom humor é contagiante: espalhe-o. Fale de coisas boas, de saúde, de sonhos, com quem você encontrar. Não se lamente, ajude as outras pessoas a perceber o que há de bom dentro de si. Não viva emoções mornas e vazias. Cultive seu interior, extraia o máximo das pequenas coisas. Seja transparente e deixe que as pessoas saibam que você as estima e precisa delas. Repense seus valores e dê a si mesmo a chance de crescer e ser mais feliz. Tudo que merece ser feito, merece ser bem feito. Torne suas obrigações atraentes, tenha garra e determinação. Mude, opine, ame o que você faz. Não trabalhe só por dinheiro e sim pela satisfação da "missão cumprida". Lembre-se: nem todos têm a mesma oportunidade. Pense no melhor, trabalhe pelo melhor e espere pelo melhor. Transforme seus momentos difíceis em oportunidades. Seja criativo, buscando alternativas e apresentando soluções ao invés de problemas. Veja o lado positivo das coisas e assim você tornará seu otimismo uma realidade. Não inveje. Admire! Seja entusiasta com o sucesso alheio como seria com o seu próprio. Idealize um modelo de competência e faça sua auto-avaliação para saber o que está lhe faltando para chegar lá. Ocupe seu tempo crescendo, desenvolvendo sua habilidade e seu tempo. Só assim não terá tempo para criticar os outros. Não acumule fracassos e sim experiências. Tire proveito de seus problemas e não se deixe abater por eles. Tenha fé e energia, acredite: Você pode tudo o que quiser. Perdoe, seja grande para os aborrecimentos, pobre para a raiva, forte para vencer o medo e feliz para permitir a presença de momentos infelizes. Não viva só para seu trabalho. Tenha outras atividades paralelas como: esportes, leitura... cultive amigos. O trabalho é uma das contribuições que damos para a vida, mas não se deve jogar nele todas as nossas expectativas de realizações. Finalmente, ria das coisas a sua volta, ria de seus problemas, de seus erros, ria da vida: "A gente começa a ser feliz quando é capaz de rir da gente mesmo". (Autor desconhecido)

Dicas de FAZER o BEM faz BEM!

“Ninguém e nada cresce sozinho. Sempre é preciso um olhar de apoio. Uma palavra de incentivo. Um gesto de compreensão. Uma atitude de segurança. Devemos, assim, sermos gratos. Aos que nos ajudaram a crescer. E termos o propósito de não parar. E não passar em vão pela vida”. (autor desconhecido)

Aprender no Coletivo!

"Quanto mais rica

a experiência humana,

tanto maior será

o material disponível

para a imaginação e

a criatividade".

(Lev S. Vygostsky)


Na aventura de aprender de nossas crianças e jovens, pais e professores são a bússola para o caminho de descobertas e experiências
significativas e felizes.
(Rosangela Vali - Pedagoga e Psicopedagoga)


ATENDIMENTO PSICOPEDAGOGICO


Sou participante em...

Ocorreu um erro neste gadget
Loading...
Salmo 16:8 -
(Com ELE, nos FORTALECEMOS!)

Selinhos Amigos e Parceiros neste BLOG! OBRIGADA!